Huambo- O músico Yas Camambala publica em Setembro, na cidade do Huambo, o seu novo disco intitulado "Together", seis anos depois de se ter estreado com a obra "Reconciliação".

Fonte: Angop

Ao anunciar o facto hoje, em declarações à Angop, o artista informou que o disco comporta 14 temas cantados em vários estilos, com predominância para o Olundongo, típico da região do Huambo, associado ao jazz e outros ritmos da cultura de África.

Disse ter contado, neste novo trabalho, com a participação de instrumentistas sul-africanos, nigerianos, angolanos , zimbabweanos e congoleses, que tornaram a obra mais rica em termos rítmicos e com mais detalhes da diversidade da música tradicional do continente africano.

O objectivo, segundo o artista, é fazer com que o disco "Together" satisfaça os anseios dos exigentes consumidores de música nacional, desde crianças, jovens e adultos, cada um de acordo ao ritmo preferido.

Yas Camambala explicou que os temas abordam o convívio em sociedade, respeito, valores e união, apelando para a necessidade de as pessoas reflectirem constantemente acerca das múltiplas situações da vida, visto que uma vida sem reflexão perde a essência da identidade.

No próximo dia 16, acrescentou, a obra será apresentada a comunidade angolana residente na África do Sul durante uma gala cultural a decorrer em Johannesburg-Bedfordview City Hall, a ser promovida pelo grupo Tuweza-Dingui.

Explicou que a sua ausência ao longo destes seis anos deveu-se ao factor tempo, visto que houve necessidade de conciliar tempo para família, concentrar-se na obra "Together" e ainda ter que produzir para outros artistas e bandas com quem já tinha compromisso.

"Acho que o título together, expressão que traduzida do inglês para o português significa juntos, auto explica-se. O que trago de diferente em relação ao primeiro disco, prefiro que sejam os apreciadores a equiparar", manifestou.

Formado em engenharia de som na especialidade de ritmos africanos, Morais Camambala, natural do Huambo, iniciou-se como músico no coro da Igreja Baptista, há 27 anos.

A residir na África do Sul desde 2000, o músico Yas Camambala, além de produtor, é proprietário de um estúdio de gravação e professor de música na vertente de voz, produção e arranjo musical, assim como manuseamento de flauta, guitarra e piano.



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: