Menongue – O administrador municipal de Menongue, Júlio Vidigal, recomendou aos responsáveis municipais a serem mais proactivos (nas tarefas que lhes são incumbidas superiormente), transparentes e, terem acima de tudo, sentido patriótico, visando o cumprimento dos programas de desenvolvimento local.

Fonte: Club-k.net
O dirigente fez este apelo durante a cerimónia de tomada de posse realizada na manhã nesta quarta-feira, 26 de Fevereiro, aos directores municipais reconduzidos por ele há escassos dias, no quadro do processo de reestruturação organizacional e funcional da administração pública.

Tomaram posse, na sala da administração municipal de Menongue, os seguintes responsáveis:
- Alfredo Katongo Kufundala, secretário-geral da administração municipal;
- João Chihinga Solochi, director municipal da Saúde;
- Joaquim Gabriel Samba, director municipal do Gabinete de Estudos, Planeamento e Estatística;
- Bernardo da Conceição Sebastião, director municipal do Gabinete Jurídico, Intercâmbio e Apoio as Comissões de Moradores;
- Romão Bumba Songa, director municipal do Gabinete de Recursos Humanos;
- Augusto Domingos Manuel, director municipal dos Registos e Modernização administrativa;
- António Quintas Falanga, director municipal de Acção Social, Antigos Combatentes e Veteranos da Pátria;
- António Mpande, director municipal da Agricultura, Pecuária e Pescas;
- Manuel António Dala, director municipal da Educação, Ciência e Tecnologia;
- Augusto Manuel Ndala, director municipal do Ambiente e Saneamento Básico;
- José Evaristo Ucuessenje, director municipal do Desenvolvimento Económico Integrado;
- Pio Mongal, director municipal da Fiscalização;
- Job Domingos Muconda, director municipal de Infraestruturas, Ordenamento do Território e Habitação;

Júlio Vidigal apelou aos gestores públicos a se afirmarem como agentes transformadores, evitando desvios de meios públicos ao seu próprio benefício. Reiterando que o actual momento socioeconómico exige dos gestores de excelência rigor, criatividade e competência, nas suas acções.

Por outro, o administrador de Menongue agradeceu a compreensão e a pré-disposição demonstrada pelos recém-reconduzidos, esperando que as novas tarefas sejam exercidas com um sentido patriótico e, acima de tudo, fidelidade, obediência e muita dedicação no trabalho.

De realçar que, aquando da sua nomeação, em Abril de 2018, ao cargo de administrador do municipal de Menongue, Júlio Vidigal – que já desempenhou as mesmas funções no município do Rivungo – disse que um dos maiores desafios é a governação de proximidade, tendo prometido manter uma postura de interacção com os cidadãos, com vista a colher subsídios que lhe mostrem a melhor fórmula para uma boa governação.

Na altura, Vidigal apontou, como prioridade, o combate aos grandes focos de lixo, o melhoramento do saneamento básico, melhoria do trânsito, que passa pela colocação de sinais verticais e horizontais, bem como repor as passadeiras nas principais ruas. Graça a sua entrega, hoje a cidade de Menongue é considerada das mais limpas do país.

A par isso, o dirigente revitalizou os serviços primários de saúde nas comunas e nas aldeias, educação e auxílio aos camponeses.



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: